EBAPE/FGV
Marilene Ramos é graduada em Engenharia Civil pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e Doutora em Engenharia Ambiental pela COPPE/UFRJ. No Banco de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), foi diretora de infraestrutura e sustentabilidade entre 2016 e 2018. No BNDES foi responsável pela gestão do Fundo Amazônia apoiando projetos voltados para o desenvolvimento sustentável da região amazônica. Durante sua gestão, em 2017, o BNDES fez a primeira emissão de Green Bonds para financiamento a projetos de energia solar e eólica. Foi presidente do IBAMA de 2015 a 2016, órgão com forte atuação no combate ao desmatamento da Amazônia e dos demais biomas brasileiros. Entre suas qualificações, Marilene se destaca por suas atuações no desenvolvimento e implementação de políticas públicas de meio ambiente com ênfase nas áreas de gestão ambiental, mudanças climáticas, saneamento e finanças verdes. Além disso, ela também é professora da Escola de Administração Pública e Empresas da Fundação Getúlio Vargas (EBAPE/FGV).


EBAPE/FGV
Marilene Ramos holds a degree in Civil Engineering at the Federal University of Rio de Janeiro (UFRJ) and a PhD in Environmental Engineering at COPPE/UFRJ. She was the director of Infrastructure and Sustainability at the Bank for Economic and Social Development (BNDES), between 2016 and 2018, responsible for the management of the Amazon Fund supporting projects aimed at the sustainable development of the Amazon region. During her period leading the Directory, in 2017, the BNDES made the first issue of Green Bonds to finance solar and wind energy projects. She was the president of IBAMA from 2015 to 2016, an organism with a strong role in the fight against deforestation in the Amazon and other Brazilian biomes. Among her qualifications, Marilene stands out for her actions in the development and implementation of public environmental policies with emphasis in the areas of environmental management, climate change, sanitation and green finance. In addition, she is also a professor at the School of Public Administration and Business of the Getúlio Vargas Foundation (EBAPE / FGV).